Autor Tópico: MOC: Manipulador de materiais  (Lida 10975 vezes)

15 de Abril de 2008 - 10:38:27 am
Resposta #15

SUPER EVER

  • *****
  • Information
  • System
  • Moderador Global
  • Mensagens: 2.093
  • Oficina LUG Brasil
    • facebook-Super.Ever.Lego.Machines
    • flickr-superever
    • SUPER EVER
Valeu Colares! Muito obrigado por seu comentário. Fico muito feliz. Realmente, os pontos que você defendeu foram minhas maiores preocupações. Não acho que haja necessidade absurda de se atingir um padrão de "realismo" alto.. mas deve sempre haver um mínimo de semelhança... uma conexão entre as peças do lego e o propósito. Se não houver essa conexão sutil na imagem final, fica dificil de entendermos "do que se trata" o MOC. É um processo: escolher a cor, os detalhes, pensar em como atingir as funcionalidades... Tudo isso em conjunto leva ao objetivo final, que construir algo com o lego que se assemelha a algo real. Essa é uma preocupação grande minha. Já tive muitas frustrações de passar dias montando algo, e no final o resultado não ter a "cara" que eu gostaria. Mas acontece. Dessa vez, eu consegui e fiquei feliz. Ainda mais compartilhando com vocês! :)

Estou construindo outras duas versões: um menorzinho com rodas, e um bem maior que este azul, só que em outras cores. Logo eu posto as fotos aqui.

Grande abraço!
Obrigado!
:)

15 de Abril de 2008 - 11:13:22 am
Resposta #16

ussnegreli

  • *****
  • Information
  • Mindstorms
  • Moderador Global
  • Mensagens: 5.188
  • Lego never stops
    • facebook-Thiago Negreli
    • flickr-ussnegreli2
    • mocpages-20699
    • brickshelf-ussnegreli
    • brickset-ussnegreli
    • twitter-ussnegreli
    • My blog Town Truck Brick
(...) Já tive muitas frustrações de passar dias montando algo, e no final o resultado não ter a "cara" que eu gostaria. Mas acontece. Dessa vez, eu consegui e fiquei feliz. Ainda mais compartilhando com vocês! :)
Grande abraço!
Obrigado!
:)

Acho que isto é normal para os "moc-queiros" sempre que tenho alguma idéia e decido fazer um moc nem sempre fica como imagino por "n" motivos então acabo desmontando, montando de forma diferente, trocando cores ou desisto do moc, pois o mais importante é que eu tenha ficado satisfeito com o resultado. Para mim esta é a essência LEGO® montar, desmotar até agradar  :D

Ficamos no aguardo dos outros mocs  ;)
Town truck Brick - em pausa
http://ussnegreli.blogspot.com

15 de Abril de 2008 - 20:21:42 pm
Resposta #17

SUPER EVER

  • *****
  • Information
  • System
  • Moderador Global
  • Mensagens: 2.093
  • Oficina LUG Brasil
    • facebook-Super.Ever.Lego.Machines
    • flickr-superever
    • SUPER EVER
Você tem razão cara! Esta é a essência da coisa toda.

Não sei se acontece com você a mesma coisa, mas cara... vou te contar... as vezes eu vejo algo, e fico matutando aquilo por hooooras, as vezes diaaaas: "pô, vô fazer isso com lego.." e fico repetindo esse mantra pra mim mesmo durante muito tempo... até eu pegar o lego, e finalmente montar. E quando acontece aqueles "acidentes de idéias", onde uma vontade tromba na outra e você fica perdido na mesa com tanta peça... indeciso... tentando definir o que exatamente você vai montar: aquilo lá que viu ontem, aquele outro negócio que viu hoje, aquela coisa toda que pensou semana passada... O que montar primeiro???

E nessa inspiração descontrolada eu acabo perdendo um tempão só separando peças... contemplando... imaginando composições.. e horas depois é que eu finalmente entro num consenso: "vou montar OUTRA COISA" rssss... Eu não sei se essa inspiração descontrolada é um problema meu ou se é um efeito colateral do Lego, mas que é esquisitamente divertido, é! rs. Chamo esse sintoma de "legonite"... ou ao pé da letra, criatividade sem freio! rs

Acontece com você também? Com vocês??? rs.

15 de Abril de 2008 - 23:09:47 pm
Resposta #18

Twilight

  • *****
  • Information
  • Mindstorms
  • Moderador Global
  • Mensagens: 6.419
  • tenha fé!
    • brickshelf-mwhf
    • Bricks & Cia Ltda
Comigo é parecido sim. Sempre penso em montar uma engenhoca. Sempre tem que ter um motor, de preferência para fazer girar alguma coisa.
Sempre quis fazer algum brinquedo de parque de diversões. O enterprise é meu eterno objetivo.
Mas tem que levantar o disco sozinho... um dia quem sabe...
Outras coisas, ainda não fiz. Sempre monto o modelo proposto e fico nisso.
Também fico perdido com as peças sobre a mesa sem saber direito o que quero montar.
Depois de algumas horas, guardo tudo.
Não sei porque mais eu adoro guardar as peças... kkkk
As vezes vejo uma peça mais esquisita e fico imaginando uma forma de utilizá-la em algum projeto.
Coitadas... algumas peças não tem muita flexibilidade.
No final, um módulo de GBC acaba reunindo todas essas ansiedades, pois combina todos os tipos de peças, e TEM QUE FUNCIONAR !

agora somos dois malucos !  ;)   será que essa tal de "legonite" é contagiosa?

16 de Abril de 2008 - 01:18:26 am
Resposta #19

wcavalli

  • *****
  • Information
  • UCS
  • Administrator
  • Mensagens: 12.310
agora somos dois malucos !  ;)   será que essa tal de "legonite" é contagiosa?
Sim, é contagiosa.
Além do problema comentado de tentar fazer várias coisas e acabar com uma terceira, há o maior dos problemas: a falta de peça. Estou resolvendo aos poucos, mas quanto mais peças tem, maior é o bicho que se quer montar.

Dê LEGO aos seus filhos, netos, sobrinhos e amigos. Nunca é tarde demais, nunca é cedo demais e nunca é demais.

16 de Abril de 2008 - 07:25:10 am
Resposta #20

ussnegreli

  • *****
  • Information
  • Mindstorms
  • Moderador Global
  • Mensagens: 5.188
  • Lego never stops
    • facebook-Thiago Negreli
    • flickr-ussnegreli2
    • mocpages-20699
    • brickshelf-ussnegreli
    • brickset-ussnegreli
    • twitter-ussnegreli
    • My blog Town Truck Brick
Acho que não tenho muito a acrescentar, pois vocês resumiram tudo!  :) Tenho uma enorme quantidade de idéias na cabeça, as vezes tento colocar em prática, mas quase sempre acabo esbarrando na falta de peças, ou nas cores desejadas :-\
Mas acabei aprendendo a sempre dar um jeitinho, troco uma peça aqui outra ali, enfim até ficar do agrado, se não der jeito, paciência, é hora de guardar tudo :D

Por exemplo: tenho duas peças desta e estou a mais ou menos 2 semanas olhando para ela, e quebrando a cabeça para pensar em alguma coisa para fazer mas tenho certeza que vou conseguir  :P   Assim passa o tempo da melhor maneira que eu acho......
Town truck Brick - em pausa
http://ussnegreli.blogspot.com

16 de Abril de 2008 - 08:49:14 am
Resposta #21

SUPER EVER

  • *****
  • Information
  • System
  • Moderador Global
  • Mensagens: 2.093
  • Oficina LUG Brasil
    • facebook-Super.Ever.Lego.Machines
    • flickr-superever
    • SUPER EVER
rss... se eu tivesse duas peças dessa aí, eu usaria para fazer duas turbinas para alguma nave ou algo assim na linha star wars... Ou então encrementaria com outras peças para montar um motor, como se isso ai fosse a "câmara de explosão".... ou algo assim...sei lá..tô dando palpite demais..rssssss. Enfim.

Esse problema que vocês (todos nós!) enfrentamos com cores e falta de peças é um fantasma mesmo. Eu aprendi a lidar com isso de um jeito simples: Antes de montar qualquer coisa, antes mesmo de separar as peças, eu imagino as cores. A partir disso, dou uma olhada nas minhas caixas pra certificar se está tudo disponivel. Normalmente, o preto e o branco são as cores coringas. Então sempre uso uma das duas cores como "ponto de partida" para "casar" com a outra cor predominante. E claro, sempre atento nas peças principais e suas cores, tentando manter tudo no mesmo nível. Por exemplo: no manipular de materiais, o braço hidraulico eu fiz todo em preto. Eu queria que fosse azul! Mas antes de começar a montar, eu já tinha em mente que deveria haver algumas peças com o perfil arredondando ou chanfrado, principalmente no meio do braço onde ele dobra e passam as mangueiras de óleo. Essas peças de acabamento eu só tenho na cor preta em grande quantidade. Daí fui obrigado a fazer o braço todo em preto. Ou seja, a gente cria, mas é obrigado a seguir alguns critérios as vezes pra não se perder. As cores predominantes ou as peças em maiores quantidades, dependendo do projeto, sempre mandam na gente. É mais ou menos assim que funciona comigo.

É um desafio, não é?
Quanto mais peças, quanto mais cores, quanto mais formas (e pra ajudar, quanto mais idéias), mais energia a gente tem que gastar para ajustar tudo isso em uma criação. Lego é uma terapia intensa...rs.   

16 de Abril de 2008 - 15:34:01 pm
Resposta #22

Colares

  • *****
  • Information
  • System
  • Moderador Global
  • Mensagens: 1.987
    • facebook-fcolares
    • flickr-fernandocolares
    • brickshelf-colares
    • brickset-Colares
    • twitter-fcolares
    • Fernando Colares
Por exemplo: tenho duas peças desta e estou a mais ou menos 2 semanas olhando para ela, e quebrando a cabeça para pensar em alguma coisa para fazer mas tenho certeza que vou conseguir  :P   Assim passa o tempo da melhor maneira que eu acho......

Se for da X-wing você vai fazer o seguinte: vai correr pro quarto AGORA e vai montá-la denovo, certinha, com as peças mais novas q você tiver e depois vai ajoelhar e vai dizer pra si mesmo "nunca mais vou cometer essa irresponsabilidade" vai rezar pra ser aceito denovo entre os homens de bem, que vão pro céu depois da vida, e que nunca mais (NUUUNCA MAAAISSS) vai desmontar uma X-Wing na vida.

Isso é sacrilégio viu?? Yoda castiga... brocha e nunca mais sobe...

EDIT: Palavrão

16 de Abril de 2008 - 21:07:03 pm
Resposta #23

luisrizzo

  • *
  • Information
  • Technic
  • Membro LUG Brasil
  • Mensagens: 3.031
Comigo é parecido!  :)

Peças eu tenho muitas até... 8) Mas tenho muitos projetos futuros que demandam quase todas e muito mais!
Meus problemas são tempo (pouco, com outras prioridades) e espaço (muito pouco, mas que no futuro vai aumentar).

Com relação aos projetos, já comentei que quero fazer a minha cidade com características "paulistanas", casas, carros, caminhões, ônibus, metrô, prédios, comércio.
Enfim, estou fotografando muitos lugares de São Paulo, desde ruas, calçadas, placas, casas, comércio, prédios, carros, vans, ônibus e caminhões para servir como inspiração e começar a montar.  :D
Em breve (assim espero) vou começar a colocar os meus MOCs "na rua".  8)

17 de Abril de 2008 - 07:35:43 am
Resposta #24

ussnegreli

  • *****
  • Information
  • Mindstorms
  • Moderador Global
  • Mensagens: 5.188
  • Lego never stops
    • facebook-Thiago Negreli
    • flickr-ussnegreli2
    • mocpages-20699
    • brickshelf-ussnegreli
    • brickset-ussnegreli
    • twitter-ussnegreli
    • My blog Town Truck Brick

Se for da X-wing você vai fazer o seguinte: vai correr pro quarto AGORA e vai montá-la denovo, certinha, com as peças mais novas q você tiver e depois vai ajoelhar e vai dizer pra si mesmo "nunca mais vou cometer essa irresponsabilidade" vai rezar pra ser aceito denovo entre os homens de bem, que vão pro céu depois da vida, e que nunca mais (NUUUNCA MAAAISSS) vai desmontar uma X-Wing na vida.

Isso é sacrilégio viu?? Yoda castiga... brocha e nunca mais sobe...

EDIT: Palavrão

Calma, antes fosse da X-wing :D Eu não tenho  :'( Se tivesse, seria intocável  8)
 
Estas peças éra de um overcraft, que acabei fazendo umas modificações então por isso que sobrou!  :)
Town truck Brick - em pausa
http://ussnegreli.blogspot.com

19 de Abril de 2008 - 13:27:37 pm
Resposta #25

SUPER EVER

  • *****
  • Information
  • System
  • Moderador Global
  • Mensagens: 2.093
  • Oficina LUG Brasil
    • facebook-Super.Ever.Lego.Machines
    • flickr-superever
    • SUPER EVER
estou fotografando muitos lugares de São Paulo, desde ruas, calçadas, placas, casas, comércio, prédios, carros, vans, ônibus e caminhões para servir como inspiração e começar a montar

Acho interessante essa fase de pesquisa que algumas pessoas fazem antes de criar um MOC. É divertido pesquisar fotos, ver desenhos, ler textos sobre... antes de iniciar a criação. Isso demonstra total respeito ao hobbie. Não basta apenas pegar um monte de peças e sair por aí grudando uma na outra. É preciso um grau de dedicação quando a intenção é reproduzir algo. Tenho certeza que sua "mini São Paulo" será fantástica!
« Última modificação: 19 de Abril de 2008 - 13:31:48 pm por Super Éver! »

21 de Abril de 2008 - 10:18:45 am
Resposta #26

luisrizzo

  • *
  • Information
  • Technic
  • Membro LUG Brasil
  • Mensagens: 3.031
estou fotografando muitos lugares de São Paulo, desde ruas, calçadas, placas, casas, comércio, prédios, carros, vans, ônibus e caminhões para servir como inspiração e começar a montar

Acho interessante essa fase de pesquisa que algumas pessoas fazem antes de criar um MOC. É divertido pesquisar fotos, ver desenhos, ler textos sobre... antes de iniciar a criação. Isso demonstra total respeito ao hobbie. Não basta apenas pegar um monte de peças e sair por aí grudando uma na outra. É preciso um grau de dedicação quando a intenção é reproduzir algo. Tenho certeza que sua "mini São Paulo" será fantástica!
Valeu Super Éver!
Também espero que a "mini São Paulo" seja fantástica!  8) Espero começar a fazer alguns MOCs e em breve ter algo para postar aqui no fórum.  :)
Um abraço
Luis