Criatividade + LEGO = Expo LUG Brasil e Pixel Show 2018 empolga público

Criatividade + LEGO = Expo LUG Brasil e Pixel Show 2018 empolga público e traça os Objetivos para Evento de 2019

No final de semana de 10 e 11 de Novembro passado, foi realizada 7ª Edição da Expo LUG Brasil 2018, a maior exposição organizada pelo grupo de fãs brasileiros do brinquedo no ano passado.

Instalada dentro da 14ª Edição do Pixel Show, maior Festival da América Latina de Criatividade, organizada desde 2005 pela Zupi, que atraiu cerca de 45 mil pessoas em apenas um final de semana no Centro de Eventos Pro Magno, na zona norte da capital paulista. A Exposição ocupou uma grande área da Feira de Criatividade, tendo grande destaque e visibilidade para as criações com os blocos de montar LEGO (que completaram 60 anos de criação em 2018), e com acesso gratuito a todos os visitantes do evento.

Com cerca de 500 metros quadrados, os 52 expositores de diversas cidades e estados do Brasil mostraram suas criações ou coleções, em estações. Estas estações contaram com leiautes coletivos ou mostras individuais, com os principais temas criados pela marca dinamarquesa: Cidade, Castelo/Lord of the Rings, Ninjago, Star Wars, Harry Potter, Technic, Super Heróis, Egito, Velho Oeste, Minecraft, Princesas Disney, Vila de Natal e Architecture, entre outros.

As linhas tradicionais, como Cidade e Castelo, foram destaque: Os “medievalistas” focaram na linha Lord of the Rings, com uma belíssima e gigantesca representação das Minas Tirith e de Rivendell, enquanto na Cidade as representações de prédios brasileiros, como o MASP, o TRF da 3ª Região e a sede do Banco Central, além do rico e detalhado Jardim Botânico e um Parque de Diversões cheio de movimentos, que chamaram a atenção de todo o público.

Outras linhas, como Harry Potter, Velho Oeste e Egito, expuseram leiautes que encantaram o público de várias gerações, desde os mais novos com todas as aventuras dos bruxinhos de Hogwarts, até os mais velhos, com as cenas de perseguição a diligências ou exploradores e arqueólogos de pirâmides.

Em certo momento no domingo, as atenções se voltaram para a Estação Star Wars: Diversos fãs da saga fizeram uma Parada Cosplay e ao som da música tema dos filmes, desfilaram, interagiram e posaram para fotos do público dentro da estação que apresentava os mais diversos modelos de naves, figuras e cenas dos filmes.

Uma atividade inédita no país e que atraiu dezenas de pessoas para a Expo, principalmente pais e filhos, foi a montagem de uma Bandeira do Brasil inteiramente de LEGO. Com quase 120 mil blocos, a bandeira foi a maior já construída com as pecinhas de plástico em toda a América Latina. Um feito que encheu de orgulho cada participante e expositor.

Além disso, entre os expositores e membros do LUG Brasil houve um jantar de confraternização, brincadeiras, competições de montagem, sorteios, um leilão concorrido, muita conversa, bate papo e discussões técnicas, ideias para futuros projetos, trazendo um ambiente de muita Amizade e Descontração.

Para Ricardo Hideki Obara, um dos expositores mais assíduos e colaborador na Estação Steampunk em 2018, “a Expo 2018 foi muito boa, tanto pela infraestrutura quanto pela organização” e definiu o Pixel Show como “um grande evento que, modestamente, não conhecia, mas gostei do que vi e presenciei”.

Já Marcelo Terron, que em 2018 participou pela terceira vez da Expo LUG Brasil, “o nível das construções estava show e adorei reencontrar os amigos”. Sobre a Pixel Show, o paulistano que atualmente mora no interior da Bahia e veio para São Paulo exclusivamente para o Evento, disse achar “muito interessante o evento, principalmente a variedade de elementos e exposições. Gostei da interação, a mistura do nosso público de Expos anteriores e o público da Pixel”.

Outro expositor de longa data, Delenilton Costa, responsável pelo Jardim Botânico grandioso e rico em detalhes e cena apresentado na Estação Cidade e coordenador da Estação Egito, também teve sua primeira experiência no Pixel Show: “Não fazia ideia do que acontecia no evento realmente. Me surpreendeu e imagino que para o público que esteve pela primeira vez também. Muita ideia boa, com criação, desenho e arte em várias áreas e tudo num único Evento. Simplesmente dez!”.

Para Thiago Illyes Gomes, coordenador da estação Cidade (e, por exercer tal função, apelidado de “Prefeito”), unir a Criatividade da Pixel com as criações de LEGO da Expo LUG Brasil 2018 “foi a melhor decisão, a melhor união possível, num evento muito bom para todos, público e expositores”.

Iniciada em 2017 com uma pequena, porém significativa participação no evento, a parceria entre LUG Brasil e a Zupi (responsável pelo Pixel Show) une a Criatividade de uma maneira geral, aproximando pessoas que se expressam sua arte de várias formas (desenho, grafite, tatuagem, artesanato, etc) e o mundo dos construtores e fãs dos tijolinhos mais famosos do mundo, numa incrível variedade de conjuntos, cores e formas.

Em 2019, a 8ª Expo LUG Brasil estará mais uma vez dentro no Pixel Show, nos dias 30 de Novembro e 1º de Dezembro, e mais uma vez no Centro de Eventos Pro Magno, na região da Casa Verde, zona norte de São Paulo/SP. A expectativa é de receber um grande público e grandes expositores de outras cidades e estados, que poderão apresentar suas criações e confraternizar com dezenas de fãs dos tijolinhos LEGO.

Para o evento, Obara estará mais uma vez expondo, agora em três mesas (chamadas de estações): Egito, Steampunk e Cidade, essa última com um projeto grandioso e nostálgico para os fãs “mais experientes” de desenhos animados.

Em 2019, Marcelo contribuirá nas duas maiores estações do evento e “rivais” de longa data: Cidade e Castelo. A “competição” é sadia entre membros, para criar construções maiores e cada mais ricas em detalhes e técnicas, que encantem o público em geral e os apaixonados por LEGO.

Delenilton, para 2019, focará na Estação Egito, “mais voltado para Fantasia, criaremos novas ideias, novas cenas e teremos também MOCs (sigla em inglês para Minhas Criações Próprias) novos em andamento”. Thiago por sua vez, estará mais uma vez “na prefeitura” da estação Cidade, mas ainda não revela os planos para novas criações: “Projetos existem, faltam apenas as peças e os recursos. Mas sejamos criativos, afinal essa é a ideia do evento”.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*